Maputo Província

O dia 2 de Junho é comemorado mundialmente como o dia das Trabalhadoras de Sexo (TS). Este dia tem o objectivo de denunciar e abordar sobre a discriminação e a exploração das Trabalhadoras de Sexo a nível mundial assim como as precárias condições de vida e de trabalho.
Em 2 de Junho de 1975, mais de cem mulheres ocuparam a Igreja de Saint-Nizier, em Lyon, França, em protesto contra a repressão sofrida na altura. O protesto visava as multas recebidas, as detenções e os assassinatos de colegas que não eram investigados. A cobertura da imprensa sobre o incidente levou a mais protestos organizados por trabalhadoras de sexo, quer em França, quer noutros países do mundo. Apesar do apoio da população, a ocupação terminaria na madrugada de 10 de Junho, após uma violenta expulsão pela polícia. A brutalidade das autoridades levaria a uma maior indignação de todas e todos e, desde 2 de Junho de 1976 se relembra então anualmente este incidente e, visa não somente advocar para a regularização do trabalho de sexo, mas tambémprotestar pacificamente contra a violação de direitos que ainda persiste no dia a dia das Trabalhadoras de Sexo. É importante neste dia trazer o debate sobre os Direitos Humanos e cidadania e dar voz as Trabalhadoras de Sexo.
Em Moçambique este dia foi celebrado em 8 províncias coordenado pela Plataforma “Queremos Direitos”.

Cidade de Tete

Cidade de Pemba

Cidade de Nampula

 

 

Cidade da Beira

Cidade de Maputo

(Visited 1 times, 1 visits today)
2018-11-12T12:01:25+00:00
Translate »